7 de mar de 2013

Pacificar (Paulo Roberto Gaefke)

.

:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:--:¦:

Neste ano, e em todos os anos da nossa vida:
é dever de cada um lutar para:

Pacificar o espírito, desarmar a alma,
e estar pronto para um recomeço,
para uma nova jornada.

Missão de todos os dias,
pois cada dia é uma nova história,
nem sempre escrita pelas suas mãos,
mas, sempre sob a sua direção.

Pacificar os sonhos, democratizar a
alegria, para que ela se espalhe e
seja tão sua quanto minha.

Minha alma ainda é pequena, mas não
cabe em si mesma, de contentamento
quando estou em Paz.

Por isso, proponho um brinde à Paz,
a insólita alegria provocada pela Paz,
que embriaga sem álcool,
que embala sem música,
que faz ninar sem canção de mãe.

Pacificar os sentimentos, deliciar-se
com a vida, fazer deste dia um convite
para que a felicidade se instale,
com malas e roupas, com jeito definitivo,
já que a felicidade não é eterna,
que seja sempre a primeira emoção de cada dia,
porque você nasceu para brilhar e ser feliz.

Façamos deste dia o melhor de nossas vidas
como se ele fosse o último.

PAZ E LUZ PARA TODOS VOCÊS!!!
   
-:¦:- E -:¦:-
 
Um Dia Abençoado para todos!!